Corinthians por aí!

Seja em Alagoas, no Paraná ou até em Cabo Verde, o nome do Corinthians está bem representado por clubes homônimos que escolheram o Timão como inspiração. Mais de 15 xarás estão espalhados por aí, todos com histórias de superação e muito trabalho – assim como o time do Parque São Jorge. Três desses homônimos sobressaem em meio aos clubes irmãos: O Corinthians Alagoano, que já foi campeão estadual e tem sua relevância no futebol do Nordeste, o Corinthians Sâo Vicente, representante africano do Timão, em Cabo Verde, e o Corinthians Paranaense, única “filial” que funciona com o aval da matriz … Continue lendo

E o berço?

Depois de ficar babando no sobrinho o domingo todo, hora de responder a pergunta que todos estão me fazendo. Segunda fui babar mais um pouco no Pedro, mas só na parte da manhã, depois de um almoço a base de tempurá e shimeiji, a tarde foi de muito trabalho. Preparei a mesa com as peças da grade do berço e coloquei as “ferramentas” que utilizei ao alcance das mãos. Pow, estava calor né, tinha que me refrescar de alguma forma. Nada melhor que uma cervejinha, no copo do timão é claaaaaro. Bem, comecei terminando de passar a lixa 180 nas … Continue lendo

Matando aula – Timão eô!

Ontem matei aula para ir ao Pacaembú e ver o empate do Timão com o graaaaaande (sic) Mirassol!! Valeu para ver o gordo ao vivo, joga muito mesmo, com tabelas, dribles e passes, mesmo fora de forma ele faz a diferença, muito acima da média!!! Agora o Felipe que se cuide, no jogo passado já comeu um frangasso, sorte que o cara estava impedido e o gol anulado. No jogo de ontem ele me sai do gol para não fazer nada, cadê a definição???? Quando vi a jogada me lembrei da vinheta de abertura dos “Trapalhões” Hoje volto a ativa … Continue lendo

Final de semana em Goiânia

Final de semana passado estive em Goiânia, a Namorada estava trabalhando e eu fui passear! Tudo bem que Goiânia é quente pra caramba, sol a pino, mas sem problemas, eu fiz o favor de levar o tempinho de São Paulo pra la (belo presente de aniversário né Namorada?) Apesar do tempo alla sampa, o final de semana foi muito bom e deu pra curtir a noite Goiana. No domingo a noite fomos no Carybé, muito legal o lugar. Pratos muito saboroso e muito bem apresentados (como diria a maninha). Mas o que me chamou a atenção foram os chopps. Esse … Continue lendo

Idário o “Deus da raça”

Era corinthiano e bravissimo. Mesmo ferido, fazia o adversário tremer. Ele era a própria alma do Corinthians. Escondia as feridas para não deixar de jogar. Pelos companheiros comprava qualquer briga. Ele foi a sua força que empurrou o timão para o titulo de 1954. – Doutor, o senhor não é louco. Ninguém vai me tirar jogo. Neste deste, nem de qualquer outro. O médico Aroldo Campos ainda tentou segura-lo pelo braço, mas foi impossível. Mal refeito do desmaio provocado pela violência de uma bola chutada pelo Jair da Rosa Pinto, correu para dentro do campo e reiniciou o duelo que … Continue lendo